Alma de Viajante venceu a categoria Blog dos prémios Bloggers’ Open World Awards, promovidos pela momondo.

Nas palavras da organização, a categoria Blog distingue a qualidade da escrita (os “artigos devem ser interessantes, informativos”, num “estilo coerente e próprio”) e o design. Quer isso dizer que, apesar de não termos vencido a votação online (que elegia o segundo classificado), para o júri especializado dos Open World Awards o Alma de Viajante é o melhor blog de viagens português. Ou, pelo menos, o blog de viagens mais bem escrito. Não é coisa pouca.

 

A cerimónia foi ontem à noite. Ainda estou nas nuvens.

Depois de ter vencido um prémio de Melhor Blogue de Viagens nos Blogger Travel Awards da Bolsa de Turismo de Lisboa, que mais de bom irá acontecer em 2017? 🙂

Quanto a novidades no blog, continuo a publicar textos da minha última viagem ao Japão e, desta feita, escrevo sobre o jardim zen do Templo Ryoan-ji, em Kyoto. Além disso, comecei a cumprir a promessa de escrever mais sobre o meu querido Irão, e não poderia ter começado de melhor maneira, com um post sobre uma das paisagens mais extraordinárias onde já tive oportunidade de estar: os Kaluts, perto de Kerman.

Eis, então, os textos novos que pode encontrar no Alma de Viajante:

– Ryoan-ji, o mais emblemático dos jardins zen de Kyoto

– Kaluts, os incríveis castelos de areia do Dasht-e Lut

– Património Mundial na Índia (um micro post em forma de lista)

De resto, dizer que fiquei surpreendido com o sucesso impressionante do texto sobre a viagem de comboio até San Sebastián. Há muito que um post não tinha tantas visualizações e partilhas nos primeiros dias de vida como este.

Antes de me despedir, queria convidá-lo a participar nas Conversas do Manifesto #3, no próximo dia 13 de junho, em Matosinhos. Vou falar sobre a minha experiência como blogger de viagens e como o meu trabalho tem inspirado outras pessoas a viajar pelo mundo. Apareça.

Vemo-nos por aí! Grande abraço e boas viagens,

Filipe Morato Gomes

Informação do blogger.

Anúncios