Setúbal é uma espécie de laboratório social e político da Revolução em Portugal. Um período onde tudo foi possível, em que as pessoas sentiram que com as suas próprias mãos podiam mudar o seu destino. Assim abriu Fernando Rosas a apresentação do livro Setúbal Cidade Vermelha, do historiador Albérico Afonso Alho.

 

Esta é a versão resumida de uma grande lição de história sobre o PREC, processo revolucionário em curso, entre o 11 de Março e o 25 de novembro de 1975. Um convite irresistível para escutar a versão integral.

A história local ajuda-nos a perceber os destinos da revolução no resto do país, ajuda-nos a perceber a história global. A história local é o que em concreto se viveu nas empresas, nos bairros, nos cafés, nos jornais, na rádio… Setúbal é uma espécie de laboratório social e político da Revolução em Portugal. Um período onde tudo foi possível, em que as pessoas sentiram que com as suas próprias mãos podiam mudar o seu destino.

Escute aqui a versão integral desta aula de história de um Portugal que ousou sonhar com um país melhor.

O lançamento teve lugar na Casa da Cultura de Setúbal, no passado dia 8 de Setembro, e o movimento acrítico esteve presente.

O Movimento Acrítico é uma iniciativa de Carlos Cerqueira e António Ganhão. A foto é de Carlos Cerqueira.

 

Anúncios