Excerto do número do standupista israelita Dov Grinstein:

O facto está documentado e penso que o próprio Mengele nos estudou, quer dizer partes de nós, principalmente os ossos da coxa e do braço. Sim, despertámos a curiosidade desse homem requintado e introvertido. Pelo menos vinte membros da família do meu pai passaram na rampa, irmãos primos e todos, sem exceção, descobriram graças a ele que o céu é o limite.
…a minha mãe foi de encontro a ele com força, ao Dr. Mengele, quero dizer, e toda a família dela também desfilou por ele, de modo que se pode dizer que, `sua maneira, ele foi um pouco o nosso médico de família, não é? …embora recusasse lapidarmente que ouvíssemos uma segunda opinião. Só ele! E apenas para uma breve conversa, direita, esquerda, esquerda, esquerda, esquerda…

Naquele tempo não se viajava para o estrangeiro, pelo menos as pessoas como nós, o estrangeiro para nós era apenas para fins de extermínio.

Um cavalo entra num bar, de David Grossman, 2018, D. Quixote

Sobre o livro