Um livro que é um tributo de Manuel Alegre ao centenário de Amália Rodrigues. Nele estão incluídos os poemas do autor que a fadista cantou e, para lá desses, dois poemas inéditos dedicados a Amália, entre eles, o que dá nome ao livro – As Sílabas de Amália.

 

Além de dois textos em prosa e de vários outros poemas sobre o fado. A maioria dos quais nunca antes publicados.
É também um testemunho da relação de convívio e amizade de Manuel Alegre com Amália Rodrigues e com Alain Oulman.
Um livro que será igualmente publicado em formato de audiolivro lido pelo próprio poeta.

Nota de Imprensa da Dom Quixote.